Entrada seta Notícias
Notícias / Actividades
Vozes da Misericórdia voltam a ecoar na Igreja das Chagas Imprimir e-mail
04-Jul-2020


As vozes melodiosas do Coro da Santa Casa da Misericórdia de Lamego, mesmo com o uso obrigatório de máscara, voltaram a ecoar na histórica Igreja das Chagas. Aguardados com muita expetativa, os ensaios deste grupo coral foram retomados, às quartas-feiras à noite, num regresso que acompanha as medidas de desconfinamento a que se assiste já em muitas atividades do nosso país.
A interrupção de alguns meses provocada pela pandemia da COVID-19 não esmoreceu ou fragilizou o entusiasmo e os laços afetivos que unem os elementos deste grupo coral. Continuam a querer mostrar a sua dedicação à música e uma vontade enorme em apurar a componente vocal enquanto preparam os cânticos que vão enaltecer a eucaristia do próximo domingo. “Temos muito orgulho no caminho feito até ao momento pelo nosso coro. É um exemplo de energia e vitalidade vivida no seio desta instituição de solidariedade social. É nossa vontade atrair mais voluntários a este projeto e com isso consolidar todo o trabalho desenvolvido até agora”, sublinha o Provedor António Marques Luís.
Oriundas de diferentes áreas profissionais, as pessoas que integram o Coro da Misericórdia de Lamego, agora sob a direção do maestro Joel Valente, não possuem conhecimentos musicais profundos. Desde a criação deste projeto cultural, em outubro de 2016, já participou em diversas atuações musicais promovidas na Igreja das Chagas e em outros locais de vulto.

 
Centro de Apoio Educativo vai animar o verão Imprimir e-mail
30-Jun-2020



É uma ótima proposta para um verão inesquecível! A partir do primeiro dia de julho, regressa à Misericórdia de Lamego o Centro de Apoio Educativo, o local ideal para preencher as férias grandes das crianças e dos adolescentes.
Desportos coletivos, workshops de culinária, saídas surpresa e sessões de informática são apenas algumas das atividades em que os mais novos vão participar. As iniciativas são variadas e vão ao gosto de cada um. Além da diversão, será proporcionada durante o período da manhã uma componente educacional com o tempo a ser preenchido por atividades de apoio ao estudo.
O Centro de Apoio Educativo da Misericórdia de Lamego destina-se a crianças e jovens com idades entre 5 e os 15 anos e funcionará em regime alargado, das 8h às 19 horas.
No contexto da atual pandemia, cumprirá todas as recomendações da Direção Geral da Saúde para a prevenção da COVID-19, de forma a garantir a realização das atividades em segurança e evitar o risco de contágio. O número de participantes também será reduzido.
Encontram-se abertas as inscrições, através do nº 254 612 057 (Serviços Administrativos da Misericórdia de Lamego).

Foto de Arquivo

 
Relatório de Gestão aprovado por unanimidade Imprimir e-mail
19-Jun-2020


O Relatório de Gestão e Contas da Santa Casa da Misericórdia de Lamego, relativo a 2019, foi aprovado por unanimidade em Assembleia Geral, apresentando um resultado operacional negativo de 288.862,70 euros. Os “aumentos exponenciais do salário mínimo (25% em quatro anos)”, sem o respetivo crescimento dos valores das comparticipações dos acordos com a Segurança Social, e as implicações contínuas do aumento dos encargos decorrentes das actividades inspetivas efetuadas por diversas entidades ajudam a explicar o resultado. A juntar a isto, ao contrário das expetativas iniciais, a não assinatura de novos acordos relacionados com o Serviço de Apoio Domiciliário (SAD) e com o alargamento do acordo do Lar de Idosos por parte do Instituto da Segurança Social contribuíram para este desfecho.
Por outro lado, do lado da receita, não se verificou a entrada em vigor do contrato de aluguer de uma ala do antigo Hospital de Lamego para a criação de uma clínica de hemodiálise, facto que também influenciou a execução orçamental. Devido a um atraso verificado na execução das obras, a Misericórdia de Lamego também não recebeu uma nova tranche de financiamento, por parte do Fundo Rainha D. Leonor, relativa à requalificação do Lar de Idosos de Arneirós.
Num ano marcado pela realização de um extenso programa de iniciativas que assinalaram o 500º aniversário da sua fundação, a Santa Casa da Misericórdia de Lamego continuou a apostar no controlo rigoroso do funcionamento de todas as suas respostas sociais. Esta estratégia não pôs em causa, no entanto, a excelência dos serviços prestados e não constituiu um obstáculo à modernização dos processos de trabalho e do reforço da formação dos recursos humanos.

"Melhorar continuamente o que já temos"
Para o futuro, o Provedor António Marques Luís sublinha a elevada capacidade da mais antiga instituição de solidariedade social do concelho em se adaptar aos novos desafios. “Estamos pressionados a melhorar continuamente o que já temos e a identificar novas possibilidades de atuação”, afirma. Neste âmbito, destaca o estabelecimento de diversas parcerias com entidades locais.
Os irmãos presentes na Assembleia Geral da Misericórdia de Lamego, a primeira realizada no contexto da atual pandemia, também votaram favoravelmente a cedência de uma parcela de 165,50m2 da Quinta do Poço, para o domínio público municipal. A cedência visa o alargamento e a requalificação do principal acesso rodoviário à zona de Medelo, recebendo esta instituição como contrapartida a melhoria da acessibilidade às valências instaladas nesta zona. Foi também aprovada por unanimidade uma permuta de terrenos, com a Câmara Municipal, junto ao hipermercado “Continente”, com vista à construção da futura Circular Externa de Lamego.
A Mesa Administrativa garantiu ainda que apresentará, em próxima Assembleia Geral, os resultados do plano de reajustamento económico-financeiro, baseado na auditoria que solicitou e já foi entregue pela União das Misericórdias Portuguesas. O documento propõe a adoção de diversas medidas estruturais para uma redução sustentada do défice de exploração.
O Relatório de Gestão e Contas da Santa Casa da Misericórdia de Lamego, relativo a 2019, mereceu o parecer positivo do Conselho Fiscal.

 
Alegria regressa à creche e ao pré-escolar Imprimir e-mail
15-Jun-2020


Num ano que decorre em moldes muito diferentes do habitual, as salas e outros espaços públicos da creche e do jardim de infância da Misericórdia de Lamego voltaram a ganhar a alegria de sempre. Os mais pequenos regressaram com saudades de brincar e correr com os colegas, após a suspensão das atividades letivas presenciais. O número de crianças é agora mais reduzido, porque há pais que permanecem em casa em regime de teletrabalho, no contexto da atual pandemia.
A reabertura dos serviços fica marcada pela adoção de novas regras de higienização dos espaços e pelo distanciamento social. No entanto, até ao momento, tudo tem corrido com normalidade. O quotidiano diário dos mais novos, ocupado por muitas brincadeiras e atividades pedagógicas, continua a ser bastante divertido e animado.
O Plano de Contingência concebido pela Santa Casa da Misericórdia de Lamego enquadra a execução dos procedimentos necessários para respeitar as orientações da Direção-Geral da Saúde com o objetivo de evitar o risco de contágio. As crianças, por exemplo, são entregues à porta do estabelecimento, de modo a impedir a circulação de pessoas externas no interior, e o calçado da rua não entra.
Entre as orientações dos ministérios da Educação e do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, é obrigatório que os funcionários usem máscara de proteção, mas também é reconhecido o direito dos mais novos a brincar.
Até 31 de junho, o horário de funcionamento do jardim de infância e da creche da Misericórdia de Lamego decorre das 8h às 19 horas.
 
<< Início < Anterior | 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 | Seguinte > Final >>

Resultados 1 - 7 de 461

Como Contactar-nos

Santa Casa da Misericórdia de Lamego
Largo Dr. João de Almeida
5100-095 Lamego
Telefone: (+351) 254 612 057
Fax: (+351) 254 614 538
E-mail: Este endereço de e-mail está protegido contra spam bots, pelo que o JavaScript terá de estar activado para que possa visualizar o endereço de e-mail